Cidadania no Senado: Veja o resumo das atividades da bancada

Em seu primeiro discurso no plenário em 2020, o senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO) defendeu a votação da proposta dele que torna permanente o Fundeb, o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (PEC 33/2019). O parlamentar explicou que a vigência do fundo acaba no final deste ano. Por isso, é importante a votação da proposta de emenda à Constituição (veja aqui).

“Imagine a gente perder, esse ano, a permanência do Fundeb? Educação básica para 65 milhões de crianças do País”, disse o parlamentar.

Despesas com viagens oficiais

O parlamentar do Cidadania de Goiás criticou nesta semana o que chamou de excesso com gastos de viagens oficiais do presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP). Segundo o parlamentar, dados extraídos do Portal da Transparência indicam que R$933.285,91 foram destinados a gastos com viagens oficiais em 2019 (veja aqui).

“Como fazer um novo Parlamento aumentando despesas?”, questiona o parlamentar (Foto: Roque de Sá)

Ao afirmar que o valor é o maior dos últimos quatro anos, Kajuru alertou para o fato de que muitos parlamentares foram eleitos nas últimas eleições para atender à expectativa de mudança dos eleitores.

“Por isso, cabe a pergunta: como fazer um novo Parlamento aumentando despesas quase impossíveis de justificar e adotando velhas práticas que merecem repudio da população? “, questionou o senador.

Saída de Weintraub da Educação

O senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) manifestou-se no plenário a favor do impeachment do ministro da Educação, Abraham Weintraub, em apoio ao pedido protocolado no STF (Supremo Tribunal Federal) na quarta-feira (05) por um grupo de parlamentares (veja aqui).

“Os prejuízos” provocados por Weintraub “são graves”, afirma o senador (Foto:Roque de Sá)

“O pedido está lastreado em dois fatos específicos, duas situações específicas: o desrespeito ao decoro básico necessário no servidor público e a absoluta ineficiência”, disse Alessandro Vieira, ao considerar, no entanto, o direito do presidente Bolsonaro de escolher seus assessores.

“Isso é natural e absolutamente respeitável. É um direito do presidente. O que não é direito do presidente é manter num cargo-chave uma pessoa que manifestamente não demonstrou competência para a execução”, afirmou

Para o parlamentar do Cidadania, “os prejuízos” provocados por Weintraub à frente do Ministério da Educação “são graves”.

Recriação do Ministério da Segurança

Alessandro Vieira também criticou, em entrevista ao portal Terra, o movimento de tentar separar a Segurança Pública do Ministério da Justiça comandado pelo ex-juiz Sérgio Moro (veja aqui).

“Sem dúvida nenhuma atrapalharia porque você tem uma estrutura que está funcionando e está dando resultado e vai gastar energia e dinheiro para criar uma nova estrutura”, afirmou.

Mineração em terras indígenas

A líder do Cidadania no Senado, Eliziane Gama (MA), criticou em seu perfil no Twitter o projeto do governo Jair Bolsonaro para regulamentar a mineração e a geração de energia elétrica em terras indígenas.

O projeto que será analisado pelo Congresso Nacional também abre a possibilidade de as aldeias explorarem as terras em outras atividades econômicas, como agricultura e turismo. A exploração mineral e hídrica está prevista na Constituição Federal, mas nunca foi regulamentada.

“Cabe ao Congresso evitar que esse disparate siga adiante”, defende a senadora (Foto: Roque de Sá)

“A regulamentação de mineração e geração de energia elétrica em terras indígenas é mais um exemplo de irresponsabilidade com o meio ambiente e a causa indígena. A proposição pode ainda acelerar o desmatamento. Cabe ao Congresso evitar que esse disparate siga adiante”, escreveu a senadora na rede social.

Abono salarial

 Eliziane Gama disse nesta semana que o substitutivo do senador Oriovisto Guimarães (Podemos-PR) à Proposta de Emenda à Constituição conhecida como Emergencial (PEC 186/2019) apresentou uma “sensível melhora” em relação a primeira versão, ao retirar do texto a previsão de o pagamento do abono salarial ser facultativo (veja aqui).

“É preciso reconhecer o avanço proposto pelo relator, mas ainda consta no texto a previsão de que os valores e o pagamento do abono podem variar de acordo com a remuneração, condicionando à existência de dotação orçamentária”, alertou a senadora, autora do destaque na votação da reforma da Previdência que garantiu o benefício para os trabalhadores que ganham até R$ 1.998,00 por mês.

Na Câmara, Cidadania é nota 10

O Ranking de Plenário 2020, divulgado pelo Instituto Monte Castelo (veja abaixo) neste mês, traduz o protagonismo do Cidadania no cenário político nacional. Pela responsabilidade e coerência mantida nas votações das principais matérias de interesse do País, a bancada do partido na Câmara dos Deputados foi reconhecida como uma das mais atuantes da Casa e emplacou diversos nomes no topo da lista.

O deputado federal Daniel Coelho (PE), que liderou a bancada em 2019, recebeu nota 10 e figura na primeira colocação do ranking, ao lado da deputada federal Paula Belmonte (DF). Os deputados Da Vitória (ES), Alex Manente (SP), Marcelo Calero (RJ), Carmen Zanotto (SC) e Rubens Bueno (PR) aparecem com a segunda melhor nota da lista (9,6). A média geral da legenda ficou em 9,5.

Para elaboração do ranking, o instituto determinou pontuações diferentes para 13 propostas debatidas pela Câmara. O resultado obtido pelo Cidadania, neste caso, está associado ao fato do partido ter votado fechado a favor de diversas matérias, como a reforma da Previdência, o Pacote Anticrime, a Medida Provisória da Liberdade Econômica e a redução do valor gasto com o fundo eleitoral.

A ideia, segundo a pesquisa, é “avaliar quais deputados federais contribuem para a construção de um País mais seguro, livre e próspero”.

“Isso implica, no Brasil atual, no respeito às instituições, na liberdade de empreender, no combate incessante à corrupção, no rigor contra o crime”, diz o documento divulgado pelo Instituto.

Instituto Monte Castelo

O Instituto Monte Castelo é um centro independente de pesquisa em políticas e legislação. Com sede em Brasília, foi fundado em julho de 2017, “e tem a independência como princípio inegociável”. O centro de estudos não recebe recursos de governos ou de partidos políticos.

Marcos Abrão confirma ingresso de vice-governador de Goiás no Cidadania

Lincoln Tejota (à esq.) e o presidente do Cidadania no estado, ex-deputado federal Marcos Abrão (Foto: Reprodução)

O jornal Opção publicou, nesta quarta-feira (5), matéria (veja abaixo) apontando o ingresso do vice-governador de Goiás, Lincoln Tejota, no Cidadania. A confirmação foi feita à publicação pelo presidente estadual da legenda, Marcos Abrão, que pavimentou a vinda do político para a legenda. Além de sua filiação, Lincoln deve filiar ao partido mais 70 lideranças políticas que disputarão às eleições municipais.

Lincoln Tejota está próximo de fechar com o Cidadania e deve levar 70 lideranças para o partido

Felipe Cardoso – Jornal Opção

Segundo o presidente estadual do partido, Marcos Abraão, conversa com o vice-governador está avançada; Lincoln deve levar 70 nomes que disputarão eleições municipais no interior do Estado

O presidente do Cidadania em Goiás, Marcos Abraão, confirmou ao Jornal Opção que a ida do vice-governador do Estado, Lincoln Tejota, para o partido está “praticamente certa”. Segundo o presidente, a sigla trabalha para que Tejota se filie “o mais rápido possível”.

Além disso, Abraão assegurou que o vice-governador garantiu levar outros 70 candidatos para o Cidadania — que se somarão aos 12 já pré-confirmados pela sigla — que disputarão prefeituras no interior do Estado.

Para ele, a ida de Tejota reforça a estrutura do partido que conta com “tradição e reputação muito boa”. Ambos se reuniram na última segunda-feira, 3, para tratar sobre o assunto, mas devem se encontrar novamente “nos próximos dias” para bater o martelo.

O Cidadania 23 é outro patamar: Veja a marchinha de Carnaval lançada pelo partido

O Cidadania 23 lançou, nesta terça-feira (4), marchinha de Carnaval (veja vídeo abaixo) chamando a sociedade para participar do novo projeto político do partido no qual “amor, paz e harmonia” são essenciais para superarmos a polarização que tomou conta do País.

Com muito humor e alegria, a letra da música em ritmo de frevo ressalta a esperança dos brasileiros por dias melhores e transformações pelo bem-estar social. A marchinha também brinca com o terraplanismo defendido por bolsonaristas destacando que o Cidadania é “outro patamar”.

O presidente da legenda, Roberto Freire, lembrou que o partido, desde o PCB (Partido Comunista Brasileiro) “batalha” no período da maior festa brasileira e destacou a barraca “O Bêbado e o Equilibrista” que marcou época nas festividades de Carnaval em Olinda (PE).

“A gente tá na batalha há muitos carnavais. Em Olinda, a barraca do PCB ‘O Bêbado e o Equilibrista’ marcou época na folia pernambucana. Agora,quando corremos riscos do obscurantismo entristecer o Brasil, o Cidadania 23 solta um grito de liberdade: Evoé Baco!”.

Arnaldo Jardim é eleito novo líder do Cidadania na Câmara dos Deputados

Arnaldo Jardim, no centro da foto, defende o combate a supersalários no serviço público, PEC da segunda instância e projetos para retomada do crescimento econômico (Foto: Robson Gonçalves)

O deputado federal Arnaldo Jardim (SP) é o novo líder do Cidadania na Câmara. A escolha se deu nesta terça-feira (04) por unanimidade da bancada do partido composta por nove parlamentares. Ele está no quarto mandato consecutivo e destacou que a bancada defenderá com prioridade projetos que visem a retomada do desenvolvimento econômico e atuará para acabar com privilégios no setor público.

“Vamos aprofundar o compromisso com a reforma administrativa, a tributária, a lei das PPPs [Parcerias Público-Privadas] e outras iniciativas que viabilizem a retomada do crescimento e que proporcionem um desenvolvimento econômico com uma preocupação humana, um combate às desigualdades”, disse o deputado.

Arnaldo Jardim também defendeu a votação da PEC (Proposta de Emenda à Constituição) que estabelece a prisão em segunda instância, que é de autoria do colega de partido, deputado federal Alex Manente (SP). O parlamentar disse ainda que a bancada defenderá o fim dos supersalários no setor público, além de atuar para estabelecer critérios para as férias do Poder Judiciário.

Atualmente, o parlamentar é relator do projeto de lei que institui o marco regulatório das PPPs, que deve ser votada neste semestre pela Câmara. Ele é coordenador das frentes parlamentares da Economia Verde e de Valorização do Setor Sucroenergético, dirigente da Frente Parlamentar da Agropecuária. O parlamentar também foi o relator da lei que regula a destinação de resíduos sólidos no País, e secretário de Agricultura do Estado de São Paulo no governo de Geraldo Alckmin.

Cidadania lança vídeo reforçando o compromisso do partido com a democracia e a renovação

“Em 2020, vamos unir experiência com renovação para mudar o Brasil”. Esse é o compromisso do Cidadania com os brasileiros no vídeo institucional (veja abaixo) lançado pelo partido nesta sexta-feira (31).

Além de reforçar a defesa da democracia, a campanha para dar visibilidade às ações do Cidadania mostra que o partido vai atuar para colocar o “Brasil em outro patamar“, com emprego, inovação e eficiência, unindo experiência e renovação com a participação de todos.

“O Cidadania inova na política, unindo o campo democrático. Com eficiência e afeto, vamos juntar experiência e renovação. A gente sabe que, para já, a mudança se chama emprego. E só com sua participação o Brasil vai pra outro patamar”, diz trecho do vídeo.

Hector Martins é lançado por Roberto Freire pré-candidato à Prefeitura de Arapiraca (AL)

Advogado recém filiado ao partido demonstrou que está se preparando para representar o partido nas eleições municipais de outubro (Foto: )

Presidente nacional do Cidadania lança Hector Martins como pré-candidato a prefeito de Arapiraca

A filiação do ex-presidente da OAB/Arapiraca ao Cidadania 23 foi sobrescrita pelo ex-ministro Roberto Freire

Após praticamente um ano de especulações, Hector Martins despiu o terno da advocacia e vestiu a camisa de possível candidato às eleições municipais. A filiação do ex-presidente da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil/Arapiraca ao Cidadania23 foi sobrescrita pelo ex-ministro Roberto Freire, presidente nacional do partido, e pelos presidentes dos diretórios estadual e municipal, Régis Cavalcante e Pedro Pires, respectivamente, em uma cerimônia festiva na noite de quinta-feira (30) no auditório do Sesi.

Martins demonstrou que está se preparando para representar o partido nas eleições municipais e afirmou, durante seu discurso, que manteve conversas com prefeitos do Cidadania do Sudeste e Sul em busca de inovações que podem solucionar problemas de Arapiraca e que devem fazer parte do projeto político de sua candidatura.

Hector Martins aponta soluções inovadoras para Arapiraca (Foto: Cidadania-AL)

“Em conversa recente com o prefeito de Vitória do Espírito Santo mudei por completo a minha visão de gestão pública. Lá, um simples aplicativo revolucionou a Saúde, eliminando as filas do SUS [Sistema Único de Saúde]. Se um morador de Vitória precisa fazer uma consulta ou um exame, pode marcar com a ajuda de um telefone. Se a pessoa não tem telefone, certamente o filho ou um vizinho tem e ele consegue marcar. Imagina se isso fosse colocado à disposição de Arapiraca e de outros lugares”, afirmou o pré-candidato, apontando ainda soluções inovadoras que podem ser aplicadas na segurança pública e Educação, que são aplicadas com sucesso em municípios administrados por prefeitos do Cidadania.

Para o presidente nacional do partido, Roberto Freire, que além de ministro da Cultura no governo Temer também foi deputado federal e senador por Pernambuco, Hector Martins representa o novo perfil político buscado pelo Cidadania.

Freire: Partido terá maior número de candidatos jovens nas próxima eleição (Foto: Cidadania-AL)

“O partido está experimentando agora algo que não tínhamos nas eleições de 2016, que é um número maior de candidatos com algumas características mais interessantes, mais jovens. E esse processo tem muito a ver com a renovação que a sociedade está pedindo neste momento político. Nesse contexto, o Cidadania se coloca como uma alternativa democrática e Hector, em Arapiraca, é uma representação disso. Estou muito satisfeito de estar aqui em Alagoas, experimentando essa renovação. Cidadania é futuro”, afirmou.

De acordo com Régis Cavalcante, que preside o diretório estadual da legenda, Arapiraca, assim como Alagoas, vem sendo administrada por grupos políticos dominantes que se alternam no poder.

Régis Cavalcante: O Cidadania defende a alternância de poder (Foto: Cidadania-AL)

“A possibilidade de ter alternativas na política acrescenta e aumenta o aprofundamento da democracia, que é, entre outras coisas, a convivência entre os contrários. O Cidadania defende a alternância de poder e Hector tem hoje uma enorme missão, que é fazer de Arapiraca uma cidade mais feliz, mais agradável, que tenha importância para o Estado e para o Brasil. Hector representa esse sangue novo na política, que realmente quer e tem as condições para fazer as transformações que o município precisa”, declarou. (Site Sete Segundos)

Roberto Freire participa em Arapiraca (AL) do ato de filiação de Hector Martins ao partido

Roberto Freire (à esquerda) e Hector Martins, em Brasília (Foto: Reprodução)

O presidente do Cidadania, Roberto Freire, participar nesta quinta-feira (30) do ato de filiação do ex-presidente da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) de Arapiraca (AL), Hector Martins, ao partido.

No encontro que vai reunir lideranças do Cidadania no estado, como presidente do partido em Alagoas, Régis Cavalcante, Hector deve ser confirmado como pré-candidato à Prefeitura da cidade nas eleições municipais de outubro.

O ato de filiação será realizado às 19h, no auditório da Unidade Sesi/Senai (Rua Eng. Camilo Collier, 520 – Primavera).

FAP convoca monitores da Jornada da Cidadania para treinamento online

Participantes irão otimizar interação entre professores e alunos do curso de formação política e receberão certificado de capacitação

A FAP (Fundação Astrojildo Pereira) convoca os 50 monitores do curso de formação política Jornada da Cidadania para participarem, na próxima segunda-feira (3), do treinamento online de uso da plataforma de educação a distância, com duração de duas horas, das 10h às 12h. A atividade também será realizada na próxima terça-feira (4), das 15h às 17h, para quem não puder participar no primeiro dia ou quiser reforçar o aprendizado. Os participantes receberão da entidade certificado de capacitação.

A plataforma da Jornada da Cidadania deverá estar plenamente adequada à LGPDP (Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais). Durante o curso, os monitores terão acesso à plataforma para auxiliar os professores e acompanhar os alunos, estabelecendo contato direto com ambos, a fim de otimizar a interação e aprendizagem dos interessados.

No dia do treinamento, a FAP vai enviar um link pelo qual os monitores terão acesso à capacitação online por meio de smartphone, tablet ou computador. A orientação dos organizadores da Jornada da Cidadania é para que os participantes tenham internet de boa qualidade.

A Lisata Tecnologia venceu a concorrência para fornecimento da plataforma digital de gestão do curso. O sócio-diretor da empresa, Daniel Philip de Moura, explica que o treinamento é baseado em uma apresentação de 40 minutos. O tempo restante, segundo ele, é destinado a tirar dúvidas ou a outros esclarecimentos necessários.

“É uma plataforma completamente intuitiva e bem didática”, afirma.

Antes do treinamento online, a FAP enviará aos monitores um manual que servirá de tutorial para uso da plataforma. O documento será disponibilizado pela Lisata. Nele, segundo Moura, haverá passo a passo de tudo o que os participantes visualizarão diretamente na página do curso da Jornada da Cidadania, durante a capacitação. A FAP é vinculada ao Cidadania. (Cleomar Almeida/Assessor de Comunicação da FAP)

Eleição 2020 – Cidadania do Paraná promove encontro com coordenadores regionais

Partido no estado reuniu lideranças e 18 coordenadores regionais para debater o pleito municipal de outubro (Foto: Reprodução/Cidadania do Paraná)

O Diretório Estadual do Cidadania do Paraná realizou nesta terça feira (28), em Curitiba, encontro dos coordenadores regionais do partido. Em pauta a avaliação sobre as eleições municipais de outubro deste ano.

Estiveram presentes o deputado federal e presidente estadual do Cidadania23, Rubens Bueno, os deputados estaduais Douglas Fabrício e Tercilio Turini, o superintendente de Esporte do estado e presidente do Cidadania deCuritiba, Hélio Wirbiki, a ex-deputada ítalo-brasileiro Renata Bueno e 18 coordenadores regionais.

O coordenador regional em Santa Fé, Helton Silva, destacou alguns pontos do encontro.

“A troca de experiências entre todos os coordenadores regionais foi muito importante. Porém, as metas distribuídas pelo nosso presidente estadual, o deputado federal Rubens Bueno, junto de toda a motivação que conquistamos neste encontro, é o ponto de partida para apresentarmos à comunidade nomes preparados para as próximas eleições”, ressaltou.

Já para coordenadora regional e pré-candidata a prefeita em União da Vitória, Paula Fernanda, o encontro com as coordenações regionais foi muito produtivo.

“Foi um momento que pudemos expor nossas impressões e planejamentos locais. Além de recebemos valiosas orientações para as eleições deste ano”, destacou.

Rubens Bueno destacou o pouco tempo até o pleito de outubro.

“Temos um tempo curto para deixar tudo organizado. Tenho certeza que todos saíram com o objetivo de preparar cada vez mais o Cidadania23 paras as eleições”, disse. (Assessoria Cidadania do Paraná)

Caravana do Cidadania lança pré-candidatos à prefeituras em Sergipe

O roteiro inclui reuniões com as Executivas Municipais do Cidadania, filiação de novos membros e entrevistas em rádios das lideranças do partido no estado

A partir desta terça-feira (28), lideranças do Cidadania de Sergipe percorrem 15 municípios do estado em caravana até o dia 7 de fevereiro para lançar as primeiras pré-candidaturas da legenda para as eleições municipais de 2020.

O roteiro inclui reuniões com as Executivas Municipais do Cidadania, filiação de novos membros, entrevistas em rádios e o lançamento de pré-candidatos à prefeitura de grandes cidades sergipanas, como a capital Aracaju, Nossa Senhora do Socorro, Lagarto e Estância.

A partir desta terça-feira (28), lideranças do Cidadania de Sergipe percorrem 15 municípios do estado em caravana até o dia 7 de fevereiro para lançar as primeiras pré-candidaturas da legenda para as eleições municipais de 2020.

O roteiro inclui reuniões com as Executivas Municipais do Cidadania, filiação de novos membros, entrevistas em rádios e o lançamento de pré-candidatos à prefeitura de grandes cidades sergipanas, como a capital Aracaju, Nossa Senhora do Socorro, Lagarto e Estância.

O presidente estadual da sigla, senador Alessandro Vieira, participa da caravana do Cidadania e destaca a importância das eleições municipais para a renovação política.

Senador Alessandro Vieira vai participar da Caravana do Cidadania de Sergipe (Foto: Robson Gonçalves)

“Nós começamos agora a caminhada para um ano muito importante, um ano em que vamos mudar a história das cidades e comunidades sergipanas. Na Caravana do Cidadania vamos lançar importantes pré-candidaturas, mas também vamos conversar diretamente com a população que quer mudar a forma como a política é feita em suas comunidades”, ressalta Alessandro Vieira.

A agremiação se organiza para lançar chapas de pré-candidatos a vereador e prefeito em todo o estado. Alessandro Vieira também destacou a importância da capacitação dos pré-candidatos para colocar realmente em prática a mudança que todos desejam na política. 

“A sociedade já entendeu que não dá para fugir da política. É a política que escolhe o que acontece com o nosso dinheiro, que sai do nosso bolso através dos impostos. A capacitação e formação política, a exemplo da Jornada do Cidadania – que acontece online – ajuda a transformar e conscientizar a população para construirmos juntos a sociedade democrática que o Brasil precisa”, disse.

Veja abaixo a programação completa da Caravana do Cidadania em Sergipe.

TERÇA-FEIRA – 28/01

SIMÃO DIAS

12h30 – Entrevista na rádio Tropical FM 104,3.

LAGARTO

14h30 – Lançamento da pré-candidatura de Nininho do Bolo Bom à prefeitura de Lagarto.

ESTÂNCIA

18h – Lançamento da pré-candidatura de Suely Barreto à prefeitura de Estância.

QUARTA-FEIRA – 29/01

ITABAIANA

7h – Entrevista na rádio FM Itabaiana FM 93,1.

SÃO MIGUEL DO ALEIXO

09h – Reunião administrativa com o prefeito Everton e sua equipe.

NOSSA SENHORA APARECIDA

10h30 – Reunião ampliada com filiados e simpatizantes do partido Cidadania.

NOSSA SENHORA DA GLÓRIA

12h20 – Entrevista na Rádio Xodó FM 88,5.

RIBEIRÓPOLIS

15h – Reunião administrativa com o prefeito Antônio Passos e sua equipe.

QUINTA-FEIRA – 30/01

CARIRA

10h – Reunião ampliada com filiados e simpatizantes do partido Cidadania.

FREI PAULO

11h50 – Entrevista na rádio Educadora FM 89,5.

CAMPO DO BRITO

14h – Visita à Cooperativa dos Produtores de Mandioca de Campo do Brito (Coofama), acompanhado do prefeito Marcell Souza.

SEXTA-FEIRA – 31/01

BARRA DOS COQUEIROS

19h – Reunião ampliada com filiados e simpatizantes do partido Cidadania.

SÁBADO – 01/02

NOSSA SENHORA DO SOCORRO

18h – Lançamento da pré-candidatura do deputado Samuel Carvalho à prefeitura de Nossa Senhora do Socorro.

SEGUNDA-FEIRA – 03/02

ARACAJU

19h – Lançamento da pré-candidatura do grupo UNIDOS POR ARACAJU à prefeitura da cidade.

SEXTA-FEIRA – 07/02

NOSSA SENHORA DAS DORES

19h – Lançamento da pré-candidatura de Mário da Clínica à prefeitura de Nossa Senhora das Dores.

Eleição 2020 – Cidadania de Salvador debate formação de chapa para disputa na capital

Segundo o presidente do partido na capital baiana, Joceval Rodrigues, a legenda tem mantido conversas adiantadas com pessoas interessadas em disputar a eleição municipal (Foto: Reprodução)

O Diretório Municipal do Cidadania de Salvador realizou, nesta segunda-feira (27), reunião para tratar das eleições municipais de 2020 na capital baiana. O objetivo do encontro foi a montagem de chapa que irá concorrer no pleito. O presidente estadual do partido e vereador soteropolitano, Joceval Rodrigues, afirmou que o partido realiza uma força-tarefa para concluir a formação da chapa.

“Diante das dificuldades de montagem de chapa, nós estamos fazendo uma verdadeira força-tarefa para angariar o maior número de candidatos e respeitando o prazo [eleitoral] que vence agora em abril. Essa reunião teve como foco a montagem da nominata de candidatos a vereador que disputarão vagas na Câmara de Salvador”, disse.

Apesar das dificuldades citadas, Joceval destacou que o Cidadania tem mantido conversas adiantadas com pessoas interessadas em disputar a eleição municipal em outubro.

“Nós estamos conseguindo vencer as dificuldades. Montar nessa situação [de novas regras eleitorais] é difícil. Temos muitos partidos e poucos candidatos. No nosso caso, venho me preparando há algum tempo. Muitas conversas adiantadas”, afirmou.

Além de Joceval Rodrigues, participaram do encontro a advogada do partido Rebeca Lima e os membros Bira Santos, Lourival Evangelista, Antônio Mota e Rosângela Teixeira.