STF honrou a Constituição ao suspender o Orçamento Secreto, diz Alessandro Vieira

Senador parabenizou o jornalista Breno Pires e o jornal Estadão que ‘puxaram o fio de mais uma esquemão de corrupção’ (Foto: Pedro França/Agência Senado)

O líder do Cidadania no Senado, Alessandro Vieira (SE), comemorou a maioria de votos dos ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) pela suspensão, nesta terça-feira (09), dos repasses do Orçamento Secreto, instrumento criado no ano passado e que tem sido utilizado pelo Palácio do Planalto para barganhar votos a favor da sua agenda no Congresso Nacional.

“O STF honrou a Constituição e manteve a decisão da ministra Rosa. As emendas do relator são ilegais. O Orçamento Secreto foi suspenso. Parabéns para cada cidadão que se mobilizou, em especial ao jornalista Breno Pires e [ao jornal] Estadão que puxaram o fio de mais uma esquemão de corrupção”, postou o parlamentar no Twitter.

Com placar parcial de 6 votos a 0, o Supremo manteve a decisão liminar (provisória) expedida pela ministra Rosa Weber na última sexta-feira (05). Os ministros Luís Roberto Barroso, Edson Fachin, Cármen Lúcia, Ricardo Lewandowski e Alexandre de Moraes votaram para manter a decisão de Rosa Weber.

Os recursos do Orçamento Secreto eram manejados por governistas com apoio do Palácio do Planalto às vésperas de votações importantes para o Executivo.

Recommended Posts

No comment yet, add your voice below!


Add a Comment