Em encontro com Freire, Dória prega unidade entre PSDB, MDB, União Brasil e Cidadania

“Nem Lula nem Bolsonaro podem oferecer esperança ao Brasil”, avalia pré-candidato da federação ao Planalto (Crédito da Foto: Luís Blanco/Assessoria João Dória)

O pré-candidato a presidente da República pela federação PSDB e Cidadania, João Dória, se reuniu nesta quinta-feira (7) com o presidente nacional do Cidadania, Roberto Freire, em Brasília. Eles conversaram sobre o cenário político e a urgência em compor uma via que possa romper com a polarização entre Lula e Bolsonaro.

“Nem Lula nem Bolsonaro podem oferecer esperança ao Brasil. Será com a via da esperança, que é a soma das forças do Cidadania, PSDB, MDB e União Brasil, que poderemos oferecer um novo destino para os brasileiros”, defendeu Dória.

O pré-candidato elogiou a atuação do dirigente do Cidadania na articulação dessa composição. “Roberto Freire faz parte da construção democrática do país. É meu amigo, tenho por ele o respeito pela sua biografia e por integrar uma federação que ele ajudou a construir, fortalecendo o processo democrático”, sustentou.

Freire avaliou como positiva a reunião com João Dória e disse que o grupo que ele classifica como “centro democrático” está avançando na construção da necessária unidade.

“João Dória é o candidato do PSDB e, como estamos numa federação com os tucanos, é também o nosso nome para a Presidência da República. O que estamos buscando é construir a unidade com União Brasil e MDB. Somos a terceira via, como dizem, mas depois de eleitos seremos a primeira. As duas vias – Lula e Bolsonaro – estão congestionadas. Nada têm a oferecer como projeto de futuro ao país”, argumentou.

Recommended Posts

No comment yet, add your voice below!


Add a Comment