Estadão: Luciano Huck defende sociedade mais solidária e menos desigual

Em entrevista com professor de Harvard, publicada na edição deste domingo do jornal, apresentador avança na formulação de uma agenda progressista, assentada em revolução tecnológica na educação, oportunidades iguais para todos e valorização dos profissionais que estão hoje na base da pirâmide e têm sido fundamentais para superação da crise do coronavírus

Continue lendo

Paula Belmonte defende união nacional para superação do coronavírus

Paula Belmonte se colocou à disposição para trabalhar pela superação do coronavírus (Foto: Robson Gonçalves)

A deputada federal Paula Belmonte (Cidadania-DF) defendeu a união dos brasileiros para que o País possa enfrentar da melhor maneira possível a crise do coronavírus.

“Eu nunca imaginei que dentro do plenário da Câmara eu iria ver oposição e governo falando sobre união, votando juntos medidas para o bem da população. Isso é um grande exemplo”, disse.

A parlamentar lembrou que o País já tem problemas graves, como o desemprego de cerca de 13 milhões de pessoas. O vírus, afirmou, vai matar e também poderá fazer com que o número de desempregados recrudesça.

“E isso gera mais mortes, doenças como depressão, anemia e desnutrição”, afirma.

Por isso, alertou, é preciso levar a sério a responsabilidade que tem o Parlamento, “não só para viabilizar a assistência necessária, mas também fazer com que tenhamos o compromisso de dar dignidade ao povo brasileiro, e essa dignidade vem através do trabalho”.

Paula Belmonte se colocou à disposição para trabalhar pela superação do coronavírus.

“Que esse motivo tão triste desperte a solidariedade e a responsabilidade em casa um”, disse.

Mulheres do Cidadania aprovam moção de solidariedade à deputada Talíria Petrone

O 1º Encontro de Mulheres Jovens do Cidadania aprovou por unanimidade, neste domingo (30), em Brasília, moção de solidariedade à deputada federal Talíria Petrone (PSOL-RJ) pelo governo do Rio Janeiro ter negado escolta policial à parlamentar, vítima de ameaças de morte.

Em abril deste ano, a Polícia Federal obteve informações de conversas captadas na chamada “dark web”, segundo as quais um plano contra a vida da parlamentar estaria sendo elaborado desde 2018. Desde então, ela está sendo acompanhada por agentes da Polícia Legislativa em todos os lugares nos quais circula em Brasília.

“Repudiamos a inércia do Governo do estado do Rio de Janeiro, também manifestamos nosso sincero apoio e desejamos que as medidas cabíveis sejam tão logo tomadas pelo poder Executivo estadual”, diz a nota que segue abaixo.

MOÇÃO de SOLIDARIEDADE Nº 1 DO I ENCONTRO DE MULHERES JOVENS DO CIDADANIA 23 – DESENVOLVIDO ENTRE A SECRETARIA NACIONAL DE MULHERES DO CIDADANIA 23 (M23 – NACIONAL) E A JUVENTUDE DO CIDADANIA (J23 -NACIONAL)

Nós, MULHERES DO PARTIDO CIDADANIA, presentes no I ENCONTRO DE MULHERES JOVENS DO PARTIDO CIDADANIA manifestamos, a partir desta moção de solidariedade, nosso apoio a Deputada Federal TALÍRIA PETRONE do PSOL que diante da negligência do Governo Estadual do Estado do Rio de Janeiro vê-se impossibilitada de cumprir suas agendas políticas em virtude de ameaças de morte sofridas nos últimos meses, ameaças estas comprovadas e comunicadas pela Polícia Federal à parlamentar.

Para nós, Mulheres do partido Cidadania, o fortalecimento das instituições democráticas deve ser recepcionado enquanto um princípio republicado e portanto, nenhuma parlamentar pode ser ameaçada sem que haja uma premente resposta por parte das instituições democráticas, qual seja do poder Executivo, principalmente quando a resposta assegura a vida de uma congressista.

No início de 2019, dois ofícios foram enviados pela Câmara dos Deputados, o primeiro pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM), em 23 de abril e que foi posteriormente negado pelo Governador Wilson Witzel (PSC). O segundo foi enviado pelo partido da Deputada Talíria Petrone, em 10 de maio de 2019, no entanto, até a presente data não há resposta.

Entendemos, portanto, que a negação da escolta policial da Deputada Federal Talíria Petrone por parte do Governo do Estado do Rio de Janeiro significa uma investida contra a democracia, repudiamos a inércia do Governo do estado do Rio de Janeiro, também manifestamos nosso sincero apoio e desejamos que as medidas cabíveis sejam tão logo tomadas pelo poder Executivo estadual.

Brasília, 30 de junho de 2019.

A pedido de Rubens Bueno, Comissão manifesta solidariedade às vítimas de atentados no Sri Lanka

A Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional da Câmara aprovou nesta quarta-feira (24) requerimento do deputado federal Rubens Bueno (Cidadania-PR) e manifestou oficialmente solidariedade e profundo pesar às vítimas, familiares e ao povo de Sri Lanka atingidos pelos ataques ocorridos durante a celebração da Páscoa.

As explosões ocorridas em igrejas e hotéis deixaram 359 mortos e mais de 500 feridos. “Esses atos atrozes e covardes devem ser condenados de forma veemente por todos os povos que buscam a solução pacífica para os conflitos e a convivência nos estritos limites dos direitos humanos entre diferentes etnias e religiões”, afirmou o deputado.

Rubens Bueno manifesta solidariedade às vítimas de atentados no Sri Lanka

O deputado federal Rubens Bueno (Cidadania-PR) apresentou nesta segunda-feira (21) requerimento para que a Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional da Câmara manifeste oficialmente solidariedade e profundo pesar às vítimas, familiares e ao povo de Sri Lanka atingidos pelos ataques ocorridos durante a celebração da Páscoa.

As explosões ocorridas em igrejas e hotéis deixaram mais de 200 mortos e perto de 500 feridos. “Esses atos atrozes e covardes devem ser condenados de forma veemente por todos os povos que buscam a solução pacífica para os conflitos e a convivência nos estritos limites dos direitos humanos entre diferentes etnias e religiões”, afirmou o deputado.

O requerimento deve ser votado ainda nesta semana.

Notre Dame: A pedido de Rubens Bueno, comissão envia mensagem de solidariedade aos franceses

A Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional da Câmara enviou nesta terça-feira (16) ao embaixador da França no Brasil, Michel Miraillet, mensagem de solidariedade e profundo pesar pelo incêndio que atingiu a catedral de Notre Dame, um dos mais emblemáticos símbolos do País. A manifestação foi sugerida pelo deputado federal Rubens Bueno (Cidadania-PR) e aprovada por todos os membros da comissão.

“Em nome do Parlamento e do Povo Brasileiro, expressamos a nossa solidariedade, confiando que a França, por meio do seu governo, das suas instituições e do seu povo, saberá reconstruí-la em todo o seu esplendor”, diz o documento.

Para Rubens Bueno, a tragédia não comove somente a França, mas o mundo como um todo, já que atingiu um patrimônio da humanidade.