Eliziane Gama pede que presidente da Ucrânia fale ao Congresso sobre guerra com a Rússia

Senadora propõe discussão do conflito e diz que presença de Zelensky no debate seria ‘gesto a favor da paz’ (Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado – Gleb Garanichi/Reuters)

A líder da Bancada Feminina no Senado, Eliziane Gama (Cidadania-MA) apresentou requerimento, nesta quinta-feira (17), para que o presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, fale em uma sessão de debates temáticos na Casa sobre a guerra com a Rússia e possibilidades de cessar-fogo.

“Apresentamos requerimento de Sessão de Debates Temáticos no Senado com Volodymyr Zelensky para discutir a guerra e possibilidades de paz. O Brasil abriga a maior colônia de ucranianos da América Latina e não pode se eximir de debater a crise humanitária e seus graves impactos econômicos”, anunciou a senadora na rede social.

No requerimento, Eliziane Gama argumenta que a participação de Zelensky em uma sessão seria ‘um gesto do Senado favor da paz’ e também de homenagem aos ucranianos ‘que contribuem com o seu trabalho e cultura’ ao progresso do País.

“O Brasil tem sido um aliado incondicional da paz e respeita a autonomia das nações. Como não poderia ser diferente, embora entendendo intrincados aspectos históricos que constituíram as nações, creio que o povo brasileiro não quer a guerra unilateral em andamento e torce para que Rússia e Ucrânia possam chegar a acordos, colocando fim à violência e a morte de tantos soldados e civis”, justifica a parlamentar no pedido.

O Paraná concentra 80% da comunidade ucraniana no Brasil, a quarta maior colônia do mundo, atrás apenas da própria Rússia, Estados Unidos e Canadá. Atualmente, cerca de 600 mil ucranianos vivem no Brasil.