Alessandro Vieira: CPI da Pandemia busca motivação da conduta do governo para garantir a punição dos responsáveis pelas mortes

“É importante entender os detalhes, mas já é incontestável: existem responsáveis pela nossa tragédia. O próximo passo é garantir a sua punição”, diz o senador (Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado)

O líder do Cidadania no Senado, Alessandro Vieira (SE), recorreu a rede social nesta quinta-feira (08) para atualizar o rumo dos trabalhos da CPI da Pandemia com as informações já obtidas pela comissão, que investiga as ações e omissão do governo federal frente ao combate da Covid-19, a maior crise sanitária da história do País.

“Já provamos que o governo, mesmo alertado, optou por uma resposta à pandemia totalmente diversa da adotada pela média mundial. Já provamos que esta opção resultou em centenas de milhares de mortes que poderiam ser evitadas”, escreveu o senador no Twitter.

Segundo ele, a comissão parlamentar de inquérito busca nesta fase da apuração dos fatos e informações do que ele classificou de ‘motivação’ da ‘conduta criminosa’ do governo frente à pandemia.

“São duas hipóteses não excludentes: ignorância profunda, reforçada pela ação do chamado gabinete paralelo, e corrupção, com indícios que surgem da análise de contratos do ministério da Saúde. É preciso aprofundar as investigações”, afirmou Alessandro Vieira.

O parlamentar reforçou que o principal foco da CPI são ‘as centenas de milhares de mortes e milhões de infecções que poderiam ser evitadas com o mero respeito à ciência’.

“É importante entender os detalhes, mas já é incontestável: existem responsáveis pela nossa tragédia. O próximo passo é garantir a sua punição”, disse em outro post na rede social.