Mercado reduz estimativa do PIB de 2020 para 2,23%

Há quatro semanas, as previsões dos especialistas para o crescimento do PIB deste ano era maior, de 2,31% (Foto: Reprodução)

Os especialistas das 100 principais instituições financeiras do mercado brasileiro, que contribuem para a elaboração do Boletim Focus, do Banco Central, dminuíram a previsão do crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) para 2020 de 2,30% para 2,23%.

Há quatro semanas, no entanto, as previsões dos especialistas, no Focus, para o crescimento do PIB deste ano era maior, de 2,31%.

A economia brasileira, ou pelo menos as previsões para seu desempenho, está vivendo um novo déjà vu. Depois de frustrar as expectativas em 2017, 2018 e 2019, o crescimento do PIB deste ano começa a ser revisto para baixo por causa de fatores externos e também internos.

Os dados do PIB de 2019 será divulgado no início de março pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), mas as previsões estão em torno de 1%. É a mais lenta retomada da história brasileira. Para 2020, as projeções estão mais para 2% do que 2,5%. (Com informações das agências de notícias e Valor Econômico)

Postagens Recomendadas

Nenhum comentário ainda, mostre que você tem voz!


Adicione um comentário