Vereadores de MG exigem revogação do aumento da passagem do transporte metropolitano

Integrantes do Legisla Ativo enviam ofício à Secretaria Estadual de Infraestrutura e Mobilidade

O aumento da tarifa do transporte coletivo metropolitano, anunciado no final de janeiro, motivou mais uma ação conjunta do movimento parlamentar Legisla Ativo. O grupo de vereadores de Minas Gerais enviou, nesta segunda-feira (07), um ofício à Secretaria Estadual de Infraestrutura e Mobilidade (SEINFRA) solicitando a revogação do aumento de 13% das tarifas do transporte coletivo metropolitano.

O ofício assinado por vereadores do Legisla Ativo destaca que o percentual do reajuste de 13% supera os índices oficiais do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) em 2021, que foi definido em 10,06%. Diante desses dados, o reajuste se mostra insustentável para a população local que, em sua maioria, não dispõe de outro meio de transporte, senão o público, para que possa se deslocar.

Ainda no oficio, os vereadores enfatizam que o valor cobrado não corresponde com a qualidade do serviço prestado. Segundo o documento, os usuários de transporte coletivo da Região Metropolitana sofrem cotidianamente com a baixa oferta, fato que ocasiona longos períodos de espera nos pontos de ônibus, impactando diretamente na qualidade de vida da população. Além disso, é comum a rodagem de coletivos com mais de quinze anos de fabricação.

Os parlamentares reconhecem os efeitos econômicos da pandemia e também  o fato que o reajuste tarifário decorre de disposição contratual do instrumento de concessão da Rede Integrada de Transporte (RIT) do Sistema Metropolitano de Passageiros.  No entanto, ressaltam que o reajuste também deve levar em consideração os princípios esculpidos no Decreto  Estadual– que regulamenta o serviço de transporte coletivo rodoviário intermunicipal e metropolitano do Estado de Minas Gerais e determina alguns indicadores como modicidade da tarifa: justa correlação entre os custos do serviço e a indenização pecuniária paga pelos usuários, expressa no valor da tarifa fixada pela SETOP.

O Legisla Ativo

O Legisla Ativo é um grupo suprapartidário composto pela união de 79 vereadores e vereadoras de 63 municípios mineiros, que formam uma frente coletiva democrática de atuação legislativa. Idealizado e fundado pela vereadora de Nova Lima, Juliana Sales (Cidadania), o movimento é responsável por diversas leis e ações conjuntas no estado que visam reunir esforços para ampliar as discussões locais de forma mais abrangente

Leia também

Encontro G7 na Puglia: um marco histórico de cooperação internacional

Renata BuenoNo último final de semana, a região da...

Jardim preside debate sobre a importância da energia nuclear no cenário global

O deputado federal Arnaldo Jardim (Cidadania-SP) presidiu nesta quarta-feira...

Cidadania: Campo Mourão vence pela segunda vez Prêmio Band Cidades Excelentes

Prefeitura do Cidadania venceu pela primeira vez em 2022A...

Prefeituras do Cidadania no Rio de Janeiro vencem Prêmio Band Cidades Excelentes

Os municípios de Iguaba Grande e Macaé, governados pelo...

Informativo

Receba as notícias do Cidadania no seu celular!