Nota conjunta de pesar pela morte do prefeito Bruno Covas

Foi com grande tristeza que recebemos a notícia do falecimento do prefeito de São Paulo, Bruno Covas. Atuante na política desde 1998, desde a juventude teve uma atuação muito séria e responsável em todos os cargos que ocupou, chegando à prefeitura da capital nas eleições de 2018 pelo partido PSDB.

Desde o final de 2019, o prefeito travou uma luta contra um câncer no trato digestivo, tendo, entretanto, continuado à frente do administrativo municipal por tanto tempo quanto pode, inclusive atuando, junto com os vereadores e secretários do governo, nas medidas para conter o avanço da Covid-19.

Infelizmente, no início de maio de 2021 – mais um de um ano depois do início de sua luta contra o câncer –, Bruno Covas já se encontrava bastante debilitado e anunciou que se licenciaria por trinta dias do cargo de prefeito, de modo que pudesse dar atenção integral a sua saúde.

Desde então, o prefeito está internado, tendo recebido carinho e apoio de diversos políticos, todos estimando uma rápida melhora. No entanto, no dia 14 de maio de 2021, foi anunciada a irreversibilidade de seu quadro. Ainda assim, todos continuamos torcendo por uma melhora.

Porém, na data de hoje, 16 de maio, recebemos, com grande tristeza, a notícia do falecimento do prefeito. O que nos cabe neste momento de luto, portanto, é enviar nosso abraço carinhoso à família e amigos e Bruno Covas, este grande homem que ajudou a fazer história neste país.

Carinhosamente,

Arnaldo Jardim, presidente do diretório estadual do Cidadania-SP

Carlos Fernandes, presidente do diretório municipal do Cidadania de São Paulo

Roberto Freire, presidente do diretório nacional do Cidadania

No comment yet, add your voice below!


Add a Comment