Com vitória em 140 cidades, incluindo Macapá, Executiva do Cidadania faz balanço positivo das eleições de 2020

Maior que PSL e pouco menor que o PT, partido tem hoje maior capilaridade e está bem posicionado para 2022, diz Roberto Freire

O Cidadania elegeu 140 prefeitos, 155 vice-prefeitos e 1573 vereadores nas eleições municipais deste ano. Neste domingo (20), o partido teve mais uma conquista, a vitória de Dr. Furlan como prefeito de Macapá. O balanço foi apresentado nesta segunda-feira (21), durante reunião da Executiva Nacional do partido.

“Fomos muito bem sucedidos. Em termos de resultado, somos um partido maior do que o PSL e pouco menor que o PT, que mais receberam fundo eleitoral. Isso mostra um grau de comprometimento e seriedade com que atuamos nessa campanha e de compreensão que tivemos como preparação para 2022. Um partido com maior capilaridade, com maior presença nos vários estados. Temos uma boa plataforma para alavancar a disputa de 2022”, destacou o presidente nacional do Cidadania, Roberto Freire.

A líder do Cidadania no Senado, Eliziane Gama (Maranhão), também destacou o desempenho do partido nas eleições municipais.

“Se conseguirmos chegar com esse mesmo resultado em 2022, vamos ultrapassar a cláusula de barreira, estaremos com um resultado extremamente positivo. Tivemos uma vitória histórica no Amapá que nos posicionou de forma importante para o Brasil. Foi uma vitória do partido contra o presidente Bolsonaro”, ressaltou.

Para o ex-senador Cristovam Buarque, a escolha de Dr. Furlan para a prefeitura de Macapá também mostra a derrota do presidente Bolsonaro, que apoiava o adversário, Josiel Alcolumbre.

“Foi muito marcante para a história do partido. Somos um dos poucos que têm prefeito em capital. Uma vitória contra uma máquina estabelecida”, afirmou.

Na ocasião, o líder do partido na Câmara, Arnaldo Jardim (São Paulo), comentou sobre a aliança que está sendo articulada na Câmara dos Deputados para a eleição da presidência da Casa.

“Tomamos uma decisão que é integrarmos um bloco que está apresentando uma candidatura. Hoje, a articulação da qual participamos é integrada pelo Cidadania, PSDB, DEM, MDB, PV, PSL. Se somou a este bloco a Rede Sustentabilidade, e o bloco da esquerda composto pelo PDT, PSB, PT e PCdoB”, sustentou.

Durante a reunião, o Diretório Nacional referendou a decisão da Presidência de afastar de funções ligadas ao partido o deputado estadual Fernando Cury.

No comment yet, add your voice below!


Add a Comment