Agredir parceiros comerciais é ‘pueril e descabido’, diz Eliziane Gama

Senadora critica postagem de Flávio Bolsonaro e diz que no pós-pandemia ‘a economia brasileira precisará de todos os parceiros econômicos possíveis’ (Foto: Pedro França/Agência Senado)

A líder do Cidadania no Senado, Eliziane Gama (MA), disse que a postagem do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) na rede social acusando a China de usar a tecnologia 5G para espionagem de cidadãos e empresas é ‘pueril e descabido’.

“Agredir parceiros comerciais como China é pueril, descabido e dificultará a relação comercial brasileira com esta Nação. Não é tempo para beligerância, não é tempo para conflitos diplomáticos, é tempo para fortalecer relações econômicas para que o Brasil saia rápido da crise”, escreveu a parlamentar em seu perfil no Twitter.

Em postagem feita por volta das 20 horas de segunda-feira (23) e apagada no dia seguinte, Eduardo Bolsonaro abordou a adesão do Brasil à chamada Clean Network (Rede Limpa), articulada pelos Estados Unidos junto a outros países para banir a chinesa Huawei dos serviços de tecnologia 5G.

“Saindo de uma pandemia, a economia brasileira precisará de todos os parceiros econômicos possíveis, o setor produtivo precisará de “céu de brigadeiro” para que a economia engrene, por isso declarações agressivas contra parceiros comerciais do Brasil são desnecessárias”, disse Eliziane Gama em outro tuíte.

A embaixada da China no Brasil divulgou nota nesta terça-feira (24) afirmando que as postagens do filho do presidente Bolsonaro na rede social são “infundadas” e “solapam” a relação entre os dois países.

Postagens Recomendadas

Nenhum comentário ainda, mostre que você tem voz!


Adicione um comentário