Alessandro Vieira pede à PGR e ao TSE explicações sobre ataque hacker nas eleições

Parlamentar do Cidadania solicita ainda que seja oferecido maior detalhamento da tentativa de invasão ao sistema no dia 15 de novembro (Foto: Pedro França/Agência Senado)

O senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) encaminhou nesta segunda-feira (16) ofícios ao presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), ministro Luís Roberto Barroso, e ao procurador-geral da República, Augusto Aras, para que expliquem o atraso na divulgação dos resultados finais do pleito.

Ao TSE, o parlamentar do Cidadania pede que tornem públicas as razões técnicas que embasaram a mudança de protocolo adotado para a apuração dos votos no primeiro turno das eleições municipais deste ano. Como foi divulgado, ao contrário do protocolo anteriormente adotado, em que os TREs (Tribunais Regionais Eleitorais) totalizavam os votos de cada estado, o TSE passou a centralizar a apuração dos votos.

Os ofícios pedem ainda que seja oferecido maior detalhamento acerca dos ataques hackers realizados no dia 15 de novembro, para que se tenha conhecimento da dimensão da “tentativa criminosa de desestabilizar as eleições”.

À PGR, Alessandro Vieira pede, a esse respeito, a instauração de procedimento para investigar os ataques, revelando a origem da atuação, as pessoas envolvidas e o eventual emprego de recursos por terceiros interessados. (Assessoria do parlamentar)

Postagens Recomendadas

Nenhum comentário ainda, mostre que você tem voz!


Adicione um comentário