Senadores do Cidadania protestam contra reação de Bolsonoro sobre mortes pela Covid-19 no País

Para Eliziane Gama, declaração de Bolsonaro foi ‘um escarnio’ e Alessandro Vieira diz que presidente demonstra desrespeito aos mortos (Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado)

A líder do Cidadania no Senado, Eliziane Gama (MA), e o senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) reagiram com indignação em seus perfis no Twitter contra a declaração do presidente Jair Bolsonaro, nesta terça-feira (29), sobre as mortes provocadas pela pandemia de Covid-19. Bolsonaro lamentou o recorde de óbitos de 475 pessoas pela doença em 24 horas no País com um “E daí? Lamento. Quer que eu faça o quê? Eu sou Messias, mas não faço milagre”.

A senadora maranhense classificou a declaração do presidente de deboche ‘revoltante’ e disse que a sua reação sobre o número de vítimas fatais pelo novo coronavírus foi ‘um escárnio’.

“Não merecemos “messias” de piadinha, quando tantas famílias estão chorando seus mortos. Presidente, tenha respeito pelo seu cargo e pelas vidas que estamos perdendo!”, escreveu a líder do Cidaddania em outra postagem na rede social.

Para Alessandro Vieira, Bolsonaro demonstra desrespeito aos mortos e ainda tenta minimizar os impactos da grave crise econômica, de saúde e política que se abateu sobre o seu governo.

No comment yet, add your voice below!


Add a Comment