Frente da Primeira Infância monta plano de trabalho para 2020

“Esse assunto não é fofinho. É muito sério”, disse a deputada federal Paula Belmonte (Cidadania-DF), vice-presidente da Frente Parlamentar da Primeira Infância, em reunião do grupo de deputados que tratava do plano de trabalho para 2020.

“Às vezes as pessoas pensam que estamos falando de café-com-leite, mas estamos tratando do futuro do nosso País”, disse.

A parlamentar é autora da lei que instituiu o Biênio da Primeira Infância, que passou a viger neste ano.

A deputada defendeu a união entre os parlamentares da frente e de outros organismos da Câmara, como a comissão externa que trata do assunto, para enfrentar os desafios. Os problemas que atingem a primeira infância são muitos, principalmente os que se referem às crianças carentes. O Marco Legal da Primeira infância já deveria estar em vigor, mas as ações nele previstas não foram implementadas pelas três esferas do poder público.

Paula Belmonte adiantou que as atividades da frente se darão em torno do biênio, “que vai trazer para o Congresso Nacional especialistas e a sociedade”, disse a parlamentar.

Uma das medidas a ser implementada neste ano pela frente parlamentar é a criação, pela Câmara, da “medalha amigo da primeira infância”. Já a comissão externa, da qual Paula Belmonte é relatora, tem como meta sensibilizar os candidatos a prefeito e a vereador de todo o País nas próximas eleições sobre a necessidade de implantar políticas públicas para atender a população da primeira infância.

“A população também precisa colaborar, observando quais candidatos têm na sua plataforma a prioridade para as crianças”, disse.

Para Paula Belmonte, é preciso que os gestores públicos se conscientizem de que o cuidado com as crianças de zero a seis anos é fundamental para toda a vida do cidadão. Mas não é isso que se vê.

“Por isso é importante que os parlamentares se unam em prol dessa causa”, afirmou a parlamentar. “Unidos, vamos fazer uma transformação na vida das pessoas”, convocou Paula Belmonte, ao revelar que as crianças foram o motivo de ela entrar na vida pública.

Postagens Recomendadas

Nenhum comentário ainda, mostre que você tem voz!


Adicione um comentário