FAP define empresa que vai criar plataforma online do curso Jornada da Cidadania

Lisata Tecnologia venceu edital de cotação de preços; inscrições seguem abertas

A FAP (Fundação Astrojildo Pereira), vinculada ao Cidadania, divulgou na última sexta-feira (10) que a Lisata Tecnologia venceu a concorrência para fornecimento de plataforma digital de gestão do curso de formação política Jornada da Cidadania (veja abaixo), que será oferecido ao público em formato de educação a distância. No total, cinco empresas participaram da concorrência em edital de cotação de preços, apresentando documentação de habilitação e propostas. Inscrições continuam abertas no site do curso.

A plataforma da Jornada da Cidadania deverá estar plenamente adequada à LGPDP (Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais) e deve ser acessível por meio de um navegador web padrão (Microsoft Internet Explorer/Edge, Opera, Mozila Firefox e Google Chrome). O serviço de hospedagem da solução terceirizada deverá garantir a eficiência de conectividade necessária ao ambiente LMS com, no mínimo, 98% de disponibilidade da solução em pleno funcionamento, mantendo um canal de suporte 24/7 para os usuários do sistema, em caso de indisponibilidade da solução.

Ao se reunir na sede da entidade nesta sexta-feira para a abertura dos envelopes, a Comissão de Cotação de Preços da FAP analisou as propostas apresentadas pelas empresas Afferolab, JMV Technology, Didaxis, RG Organic e Lisata. Os representantes dessas duas últimas empresas foram os únicos a comparecerem na reunião.

No entanto, de acordo com a comissão, somente a Lisata atendeu a todos os requisitos técnicos definidos no edital. O valor é de R$ 20 mil. O sócio-diretor da empresa, Daniel Philip de Moura, disse que a plataforma será entregue com “total excelência e em conformidade com a Lei Geral de Proteção de Dados”.

Jornada da Cidadania

O curso de formação política, que deverá ter duração de três meses, foi aprovado em reunião do Conselho Curador da FAP no dia 22 de novembro de 2019 (inscrições até 15 de janeiro aqui). O início das aulas está previsto para o dia 23 de janeiro, sob a coordenação do professor Marco Aurélio Marrafon. Ele é mestre em Direito do Estado pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), com estudos doutorais (sanduíche) na Università degli Studi di ROMA TRE – Itália. A coordenação do curso também é composta pelos diretores da FAP Ciro Gondim Leichsenring e Caetano Araújo.

“A proposta busca que a fundação vá além dos muros partidários”, disse Marrafon.

“A fundação desempenha um importante papel. Entendemos que o público-alvo merece receber formação fundamental para que possa fazer escolhas democráticas”, afirmou ele.

As inscrições devem ser abertas em breve e seguir até o dia 15 de janeiro, em uma página específica da Jornada da Cidadania na internet. A previsão inicial para o início das aulas é o dia 23 de janeiro. O curso terá 36 horas, ao longo de três meses. (Cleomar Almeida, assessor de comunicação da FAP)

Postagens Recomendadas

Nenhum comentário ainda, mostre que você tem voz!


Adicione um comentário