Carmen Zanotto pede mais recursos e união dos municípios na implementação do Marco da 1ª Infância

Parlamentar defende a integração de todos os poderes da República para que o Marco Legal da Primeira Infância se torne uma política de Estado. (Foto: Robson Gonçalves)

A deputada federal Carmen Zanotto (Cidadania-SC) pediu nesta terça-feira (12) mais recursos para a implementação do Marco legal da Primeira Infância em todo o Brasil. Além da garantia orçamentária, a parlamentar defendeu o envolvimento maior dos municípios no fortalecimento e na implementação desta política pública.

A fala da parlamentar ocorreu durante audiência pública da Comissão de Educação em conjunto com a Seguridade Social e da Família da Câmara. O evento no Auditório Nereu Ramos da Casa faz parte da programação do VII Seminário Internacional Marco Legal da Primeira Infância.

“Se cada gestor municipal compreender essa política pública e se empenhar para implementá-la, com certeza, nó teremos uma cidade e um país mais desenvolvidos e mais seguro para todos. Se cuidarmos das nossas crianças, teremos, cada vez mais, homens e mulheres preparados para mudar a atual realidade do nosso país”, afirmou Carmen Zanotto, que integra a Frente Parlamentar Mista da Primeira Infância.

O Marco Legal da Primeira Infância reforça a atenção integral às crianças em seu período mais estratégico de desenvolvimento e formação: da gestação aos 6 anos de idade.

A parlamentar do Cidadania de Santa Catarina defendeu ainda a integração de todos os poderes da República para que o Marco da Primeira Infância se torne uma política de Estado.

Carmen Zanotto foi a mediadora do painel “Monitoramento da Implantação do Marco Legal da Primeira Infância”. Participaram da mesa a coordenadora da Secretaria Executiva da Rede Nacional Primeira Infância (RNPI) Miriam Pragita; o economista do IPEA, José Aparecido Ribeiro; a representante do Ministério da Cidadania, Eli Harasawa; e o representante do Tribunal de Contas do Rio Grande do Sul, Leo Arno Richter.

Postagens Recomendadas

Nenhum comentário ainda, mostre que você tem voz!


Adicione um comentário