Eliziane Gama diz que professores merecem mais respeito

Senadora lamentou que nas últimas décadas o Brasil não soube respeitar os seus professores e que a educação deixou de ser tema central das políticas públicas (Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado)

A líder do Cidadania no Senado, Eliziane Gama (MA), felicitou, nesta terça-feira (15), os professores brasileiros dizendo que a data inspira um momento de reflexão.

Ela lamentou que nas últimas décadas o Brasil não soube respeitar os seus professores e que a educação deixou de ser tema central das políticas públicas. Também criticou o fato de um professor ganhar dois salários mínimos e ser constantemente alvo de agressões dentro da sala de aula e na escola.

“Eu ainda peguei a fase do respeito solene de todos pelos professores. Eles eram reverenciados nas ruas, pois estavam na base da construção moral das famílias brasileiras, do País que sonhávamos, da ética que todos nós defendíamos”, ressaltou a parlamentar.

Para Eliziane Gama, é preciso dar um novo grito a favor da educação, como o fez Dom Pedro I pela independência do Brasil.

“Um novo grito, agora na República, por mais educação, por mais respeito a esses mestres que tiveram e têm grande contribuição nas nossas vidas. Parabéns aos professores e professoras de todo o Brasil”, disse.

Segundo dados do Inep ( Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), o Brasil conta com 2,5 milhões de professores, sendo que 345 mil deles se encontram na zona rural. A maioria da categoria tem entre 30 e 39 anos e 70% dos professores são mulheres.

Leia também

Deputados anistiam multas nas prestações de contas dos partidos

A Transparência Partidária estima que o montante total das multas pode chegar a R$ 23 bilhões.

“Falta a bússola para o governo Lula”, afirma Cristovam Buarque

O vice-presidente nacional do Cidadania, ex-senador Cristovam Buarque (DF),...

IMPRENSA HOJE

Veja as manchetes dos principais jornais hoje (12/07/2024)

Os últimos dias do reinado de Lira

Lira precisa do apoio de Bolsonaro e do PL para eleger seu candidato a presidente da Câmara, Elmar Nascimento, o que explica a sua agenda contraditória.

IMPRENSA HOJE

Veja as manchetes dos principais jornais hoje (11/07/2024)

Informativo

Receba as notícias do Cidadania no seu celular!