Davi Zaia fala sobre preparativos do Congresso Extraordinário do Cidadania

O secretário-geral do Cidadania Davi Zaia destacou, em entrevista ao Portal do partido, os preparativos para a realização do Congresso Extraordinário, nos dias 26 e 27 de outubro, em Brasília. O encontro definirá, dentre outros assuntos, o novo programa e estatuto partidário.

Segundo o dirigente, o congresso concluirá o processo de criação da nova legenda e estará preparada para as disputas municipais que ocorrerão no próximo ano.

“Vamos realizar o Congresso do partido em Brasília e a ideia é consolidar o processo de mudança que o PPS iniciou em seu último Congresso Ordinário no qual apontamos a necessidade de mudanças. O TSE já aprovou o novo nome  e agora vamos concluir a mudança com a a aprovação do novo programa e estatuto partidário. Já temos um trabalho sendo realizado nesse caminho. Na questão do estatuto, foi distribuída uma proposta publicamente e as pessoas estão mandando sugestões de alterações. No Congresso Extraordinário iremos aprovar efetivamente os dois documentos. A ideia é que possamos coroar isso agora no encontro e, com isso, o partido estará pronto para disputar as eleições municipais”, disse.

Eleições municipais

Ao comentar sobre os preparativos do Cidadania para as eleições de 2020, Davi Zaia afirmou que o pleito representará um grande desafio para todos os partidos brasileiros devido as mudanças na legislação eleitoral, como o fim das coligações.

“O desafio de enfrentar essa eleição é o fato de ser a primeira com proibição a coligações para eleição proporcional para vereadores. Cada partido terá que fazer a sua chapa de vereadores. É um desafio grande. Todos os partidos possuem vereadores com grande representatividade, mas que foram eleitos por meio de coligação. Cada partido agora precisar ter bons candidatos e chapas para concorrer, fazer o coeficiente eleitoral e, com isso, eleger vereadores. Para isso, é importante termos candidaturas próprias para prefeito, porque ajuda a fortalecer e puxar a chapa de vereadores. Nós agora trabalhamos num processo de filiação de novas pessoas para ter candidatos a prefeitos e chapas de vereadores”, afirmou.

Postagens Recomendadas

Nenhum comentário ainda, mostre que você tem voz!


Adicione um comentário