São Gonçalo (RJ) representa estado do Rio em Mapeamento Nacional de gestão pública

São Gonçalo (RJ) foi a única cidade do estado do Rio de Janeiro a ser escolhida na 7ª edição do Mapeamento de Experiências de boas práticas em gestão pública, pelo programa municipal de Saúde da Pessoa Idosa. Organizado pelo Ministério da Saúde e pelo Gise (Grupo de Informação em Saúde e Envelhecimento), do Icict/Fiocruz (Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde, o mapeamento é feito desde 2013 e reúne experiências de todas as regiões do Brasil do SUS (Sistema Único de Saúde).

“Mais do que reconhecimento, esse mapeamento nos mostra o quanto estamos no caminho certo do investimento em políticas públicas que zelem pela dignidade e qualidade de vida das pessoas. São Gonçalo é um município muito potente e temos trabalhado muito para que o serviço público de qualidade alcance todas as pessoas!”, afirmou o prefeito José Luiz Nanci, do Cidadania.

Na categoria “Promoção de atividades intersetoriais que beneficiem pessoas idosas por meio da integração do Setor Saúde com: Assistência Social, Direitos Humanos, Educação, Transporte, Ministério Público, dentre outros”, São Gonçalo foi selecionado pelo trabalho realizado no Espaço Avançado de Atendimento à Saúde do Idoso, no Jardim Catarina. Em seis meses de existência, o núcleo que funciona em conjunto com a Secretaria de Desenvolvimento Social e a Secretaria de Políticas públicas para Mulher, Idoso e Pessoa com Deficiência, atende atualmente 76 idosos, por meio de planos terapêuticos singulares, que atendam as necessidades de cada um.

Para a subsecretária de Atenção Básica, Maria Auxiliadora, o resultado só foi possível devido ao trabalho em conjunto e intersetorial do município.

“É fundamental destacar a importância da engrenagem para a gestão em acreditar que através da intersetorialidade das secretarias, do Ministério Público, do Conselho Municipal de Saúde, do Conselho do Idoso, nós podemos construir equipamentos viáveis a um atendimento digno à população idosa. O cuidado e acolhimento geram autonomia, e isso é fundamental para as pessoas idosas que muitas vezes se veem desacreditadas em si mesmas!”, destacou a subsecretária, quem vai representar o município na premiação em Brasília, no dia 23 de outubro.

O Espaço Avançado conta com quatro tipos de oficinas de saúde: Memória, Inclusão Digital, Cognitiva e Queixa de humor. Essas oficinas têm duração de uma hora e permitem a participação de até quinze idosos. As atividades são realizadas em horários específicos sendo aplicadas a diferentes grupos de idosos.

“É gratificante o reconhecimento do êxito do trabalho realizado e da equipe envolvida, desde a gestão, coordenação, equipe técnica até aos usuários. Incentivo e inspiração estimulam novas práticas voltadas ao idoso no município e pelo país, e precisamos dar ainda mais visibilidade e protagonismo aos idosos do nosso município!”, afirmou Maria Neto, coordenadora do Programa de Saúde da Pessoa Idosa. (Prefeitura de São Gonçalo)

No comment yet, add your voice below!


Add a Comment