Governo Bolsonaro: ‘Estamos vivendo uma guerra de narrativas’, afirma Daniel Coelho

 

O líder do Cidadania na Câmara dos Deputados pontuou a necessidade de debates para que o País volte a ser mais inclusivo.

O líder do Cidadania na Câmara dos Deputados, Daniel Coelho (PE), disse que todos os brasileiros têm responsabilidade na eleição do presidente Jair Bolsonaro ao “perderem a guerra de narrativas”. A afirmação foi feita durante o seminário “Os Desafios da Democracia: um programa político para o século XXI”, promovido pela FAP (Fundação Astrojildo Pereira), em São Paulo, no último fim de semana.

“Não podemos nos ausentar da responsabilidade do Bolsonaro estar no governo. Participamos do todo o processo democrático e o País ainda assim elegeu alguém que defende a ditadura. Isso quer dizer que nós cometemos um erro”, disse.

Segundo o parlamentar, políticas de direitos humanos e meio ambiente são discutidas há mais de 20 anos, mas o discurso foi perdido ao longo do tempo.

“Como a gente perdeu a narrativa com coisas que eram tão claras? Direitos humanos e meio ambiente são temas que deixaram de ser discutidos cinco anos atrás e nós nos perdemos”, alegou.

Coelho disse, também, que o debate político, social e inclusivo deve chegar aos territórios mais precários do País para “garantir que ninguém fique perdido”.

“As políticas públicas têm que fazer sentido para aqueles que estão no sertão e no interior. Esse pessoal que ficou perdido no debate e o atual presidente foi eleito”, completou.

O parlamentar participou da mesa sobre inclusão do seminário da FAP, fundação vinculada ao Cidadania. (Assessoria FAP)

No comment yet, add your voice below!


Add a Comment