Mercado financeiro reduz pela 6º vez consecutiva projeção de crescimento da economia

O despreparo do governo Bolsonaro e a falta de interlocução com o Congresso Nacional para garantir a aprovação das reformas necessárias para a retomada da economia brasileira, como a da Previdência, tem gerado prejuízos para toda a sociedade.

Uma demonstração do problema enfrentado pelo País foi evidenciado nesta segunda-feira (08), mais uma vez, pelo BC (Banco Central), por meio da divulgação do boletim Focus, que apontou que o mercado financeiro reduziu pela 6º vez consecutiva a projeção de crescimento da economia.

De acordo com o boletim, as instituições financeiras preveem redução do crescimento para o ano de 2019 e 2020. A queda da expansão do PIB (Produto Interno Bruto) para esse ano foi de 1,98% para 1,97%. Para o próximo, o recuo foi de 2,75% para 2,70%. A previsão de crescimento para 2021 e 2022 ainda permanecem em 2,50%.

IPCA

Já a estimativa da inflação calculada pelo IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo), foi ajustada de 3,89% para 3,90% para 2019. Em 2020, a previsão do índice segue em 4%. Não houve alterações para 2021 e 2022 que ficou em 3,75%.

A meta de inflação do ano, definida pelo CMN (Conselho Monetário Nacional) é 4,25% com intervalo de 2,75% a 5,75%. A estimativa para 2020 está em no centro da meta que é 4% e possui intervalo de 1,5% para cima ou para baixo.

Juros

Para o mercado financeiro, a Selic deve permanecer no seu mínimo histórico de 6,5% ao ano, até o fim de 2019.

Para o fim de 2020, a projeção segue em 7,50% ao ano. Para o fim de 2020 e 2021, a expectativa permanece em 8% ao ano.

Dólar

A previsão do mercado financeiro para a cotação do dólar permanece em R$ 3,70 no fim do ano e em R$ 3,75 no fim de 2020. (Com informações da Agência Brasil)

Leia também

As dívidas da democracia

Por sorte, dessa vez, o atentado da máfia golpista fracassou devido à incompetência e ao despreparo do líder, um militar da reserva que, por pouco, não foi expulso do Exército por indisciplina na década de 1980.

Lula chamou Netanyahu para dançar um minueto

Lula errou politicamente. Não sabemos se foi arroubo de oratória ou deliberado. Não vai se desculpar, porém já sabe que precisa relativizar as declarações sobre a guerra de Gaza.

IMPRENSA HOJE

Veja as manchetes dos principais jornais hoje (20/02/2024)

Quando outubro vier

Já escrevi isso algumas vezes e repito aqui: a...

Informativo

Receba as notícias do Cidadania no seu celular!