Conscientização e respeito neste 1º de Outubro: Dia Mundial do Idoso no #ProgramaDiferente

Neste Dia Mundial do Idoso, vale a pena rever a entrevista do teólogo, filósofo, escritor e professor universitário Leonardo Boff, além da sua palestra ministrada no Sesc Pinheiros, encerrando a “Campanha de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa”, com o tema “Em 2050 seremos muitos: o cuidado começa agora” e a conferência “Cuidado: maneira amorosa de se relacionar com os outros”.

O nosso objetivo é incentivar a conscientização da sociedade sobre as necessidades das pessoas idosas. Por isso, os cidadãos e os governantes devem estar cientes das responsabilidades de cada um, que vão desde o respeito e auxílio aos indivíduos de mais idade, até políticas e estratégias (nos variados setores) que garantam que as pessoas tenham um envelhecimento com qualidade de vida e dignidade.

Maior expoente da Teologia da Libertação no Brasil, Leonardo Boff foi entrevistado com exclusividade pelo #ProgramaDiferente exatamente no dia em que completou 50 anos da sua partida para fazer doutorado em Teologia e Filosofia na Alemanha, na Universidade de Munique, onde passou cinco anos.

Nesta entrevista, Leonardo Boff conta um pouco da sua trajetória como religioso e intelectual e mostra entusiasmo com o Papa Francisco, que “tem a ternura de São Francisco e o rigor de um jesuíta”, além de introduzir “uma ruptura com a velha cristandade européia e abrir o horizonte como nenhum outro papa abriu”.

Ele também fala do papel da Igreja num Estado Laico, de política, democracia, ideologia, esquerda x direita, economia global, extremismo religioso, fundamentalismo, violência e da onda conservadora que desponta no mundo. Faz ainda uma defesa apaixonada do meio ambiente.

Critica o PT, que “se deixou contaminar pelo poder e perdeu a sua vinculação orgânica com a base”, mas também “as forças poderosas, as grandes corporações multinacionais que pressionam os governos e não querem as políticas sociais”.

Veja abaixo o programa especial do idoso. Se preferir, para desespero dos haters das redes sociais que tentam impor um index de pensadores que devem ser censurados, você também pode rever aqui a íntegra da entrevista de Leonardo Boff e a íntegra da palestra sobre o cuidado com os idosos.