Cidadania-SC enaltece indicação de Carmen Zanotto entre os 100 parlamentares mais influentes do Congresso

Parlamentar foi selecionada como uma parlamentar de articulação e organização (Robson Gonçalves)

A deputada federal Carmen Zanotto (Cidadania-SC) figura na 26ª edição de Os “Cabeças” do Congresso” como uma das cem parlamentares mais influentes no Congresso Nacional. A publicação é referência e leitura obrigatória entre parlamentares, autoridades do Poder Executivo, dirigentes partidários, sindicais e empresariais, estudiosos, formadores de opinião e demais interessados no processo decisório no Poder Legislativo.

O DIAP é o Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar, fundado em 19 de dezembro de 1983, para atuar junto aos Poderes da República, em especial no Congresso Nacional, com vistas à institucionalização e transformação em normas legais das reivindicações predominantes, majoritárias e consensuais do movimento sindical. A metodologia utilizada, os critérios adotados, a ausência de vícios ou preferências na indicação dos nomes, aliados à experiência e seriedade da equipe técnica, são a garantia de tratar-se de um trabalho diligente e criterioso, dotado de alto grau de credibilidade.

Articuladora/Organizadora

Carmen Zanotto foi selecionada como uma parlamentar de articulação e organização, ou seja, que tem excelente trânsito nas diversas correntes políticas, cuja facilidade de interpretar o pensamento da maioria os credencia a ordenar e criar as condições para o consenso.

Conforme o DIAP, muitos deles exercem um poder invisível entre seus colegas de bancada, sem aparecer na imprensa ou nos debates de plenários e comissões. Como interlocutores dos líderes de opinião, encarregam-se de difundir e sustentar as decisões ou intenções dos formadores de opinião, formando uma massa de apoio à iniciativa dos dirigentes dos grupos políticos a que pertencem. Normalmente, têm livre acesso aos bastidores, ao poder institucional e alto grau de fidelidade às diretrizes partidárias ou ideológicas do grupo político que integram. Não são necessariamente eruditos, intelectuais, mas possuem instinto político e o dom da síntese

Dirigentes estaduais emitem mensagens

Ao receber a notícia a prefeita de Fraiburgo, Claudete Gheller Mathias (Cidadania) uma das principais lideranças do Partido em Santa Catarina, fez questão de registrar a importância da parlamentar catarinense, “a Deputada Carmen Zanotto representa para nossa Santa Catarina e para nosso partido Cidadania além de grande articuladora mulher determinada de fibra dedicada incansável e nos enche de orgulho. Obrigada, obrigada Deputada Carmen”, enalteceu a prefeita.

Para o vereador Fabrício Marinho, de Itajaí, 1º Vice-presidente do Cidadania-SC, a Deputada Carmen é atuante e comprometida não só com a região dela, mas com toda Santa Catarina. “Itajaí tem muito a agradecê-la, especialmente nas áreas da saúde, assistência social e habitação. Como vereador, eu me espelho na atuação parlamentar dela”, disse Marinho. Para o vereador Joceli Nazari, de Balneário Camboriú, e 2º Vice-presidente estadual, ao enaltecer merecido reconhecimento nacional da deputada federal Carmen Zanotto, que tem realizado em prol a defesa de política pública fundamental para a vida das pessoas, garantindo o direito de cidadania, expressou-se dizendo: “eu como vereador de Balneário Camboriú tenho muito a agradecer por tudo o que ela tem nos ajudado, principalmente na área da saúde”, destacou.

Já o vereador Maurício Batalha, uma das principais lideranças do Cidadania em Lages, e 3º Vice-presidente estadual do Partido, ao receber a informação publicou a seguinte mensagem: “Como Vereador e representante do Cidadania na Câmara de Vereadores de Lages, é motivo de muito orgulho para todos nós Lageanos, Serranos e Catarinenses, receber a notícia de que a Deputada Carmen Zanotto consta da seleta lista de influenciadores no Congresso Nacional. De fato, o nosso Partido incorpora o espírito de equilíbrio, convergência e coerência no Parlamento, ainda mais quando é reconhecido numa entidade de grande respeitabilidade como o DIAP. Parabéns Deputada Carmen, a Senhora me representa”, finaliza Batalha.

“A Deputada Carmem é um orgulho para o nosso estado. Comprometida com cada cidadão, ela enobrece a figura política, que anda tão desgastada, com sua incansável atuação parlamentar. Ela nos faz acreditar que ainda temos políticos corretos e que lutam pelos anseios da população, além claro de ser mulher ocupando o seu espaço com maestria e provando a todos que lugar de mulher é onde ela quiser”, expressou Talien Stofelli, Secretária Estadual de Mulheres/M23SC. Já a Juventude, J23SC, expressou-se assim: “Carmen Zanotto tem uma sensibilidade e capacidade de articulação ímpar. Desapegada de ideologias e com boas práticas políticas, ela consegue ouvir a população e os parlamentares conduzindo o congresso a pautas realmente importantes para o bem-estar social. Isso reflete diretamente na nossa juventude, que inspirada na sua postura e seus projetos, vem buscando através do debate democrático e da diversidade de pensamento, colaborar com a construção de uma boa política que vá além dessa polarização que vivemos hoje”, enalteceram as jovens lideranças do Cidadania.(Assessoria de Comunicação do Cidadania-SC)

Quatro deputados federais do Cidadania são “Cabeças do Congresso”

Daniel Coelho, Rubens Bueno, Arnaldo Jardim e Carmen Zanotto integram a lista da elite do Parlamento (Foto: Reprodução/William Borgmann)

Quatro deputados do Cidadania integram a lista dos “100 Cabeças do Congresso Nacional” de 2019. O líder do partido na Câmara, deputado federal Daniel Coelho (PE) é estreante na relação e a deputada federal Carmen Zanotto (SC) aparece nela pela segunda vez. O levantamento elege a elite da instituição. O deputado federal Arnaldo Jardim (SP) aparece pela sétima vez e o deputado federal Rubens Bueno (PR) já figura no levantamento há 11 anos.

Bueno foi escolhido para integrar o grupo por sua qualidade de negociador. Já Daniel Coelho foi alçado por causa de seus méritos de articulador organizador, que também impulsionaram Carmen Zanotto para o time. Arnaldo Jardim foi escolhido pela sua habilidade como formulador. O índice é elaborado pelo Diap (Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar).

O objetivo do Diap ao fazer o levantamento que elege os cabeças do Congresso é fornecer ao movimento social uma radiografia dos principais interlocutores na Câmara e no Senado. Segundo a publicação, o grupo de parlamentares é o que tem “mais habilidade para elaborar, interpretar, debater ou dominar regras e normas do processo decisório”.